Siga-nos no Google+ Siga-nos no Facebook Canal YouTube Siga-nos no Twitter
  

Reverendo Augustus Nicodemus


Na noite de encerramento da 14ª Consciência Cristã o Reverendo Augustus Nicodemus ministrou sobre o porquê de Deus permitir o sofrimento, com base na leitura do Salmo 88 que é considerado o mais triste da Bíblia. Este salmo termina com a palavra trevas, pois foi escrito por alguém que sentia uma profunda angústia. Seu autor foi Hemã-  Um homem de Deus que sofreu a vida inteira, e lamenta por sua situação.

“Por que na Bíblia teria um salmo assim? - "Porque Deus deseja que saibamos que por sermos crentes, isso não quer dizer que não passaremos momentos difíceis. Porque ele demonstra que a Bíblia não é um produto dos homens, pois nenhum homem gostaria de expor as coisas deste salmo. Este texto está na Bíblia para mostrar que homens e mulheres de Deus também sofrem, ou seja, o fato de sofrer não quer dizer que ‘não somos crentes’.” Afirmou Augustus.

Augustus Nicodemus explicou que, o autor do Salmo 88, Hemã o Ezraíta, era considerado um dos homens mais sábios do tempo do Rei Salomão. Mas, levava uma vida de dor e sofrimento, apesar de sua comunhão com Deus. A causa deste sofrimento não é clara, talvez fosse uma enfermidade, entretanto sabemos que essa dor não era resultado de um pecado. É fato que o sofrimento de Hemã também provinha do Silêncio de Deus. Seu caso era semelhante ao de Jó, que mesmo sendo justo, sofria. O pregador da noite enfatizou que o Silêncio de Deus não desanimou Hemã, pois ele permanecia clamando dia e noite. O sofrimento aproxima o homem de Deus, o espinho da carne não tem a função de matar o homem. Hemã sofria, mas sabia que Deus era soberano e por isto permanecia a clamar e a argumentar para Deus em oração, dizendo que se ele morresse haveria uma pessoa a menos para louvá-Lo na Terra:

Mostrarás tu prodígios aos mortos ou os finados se levantarão para te louvar?
Será referida a tua bondade na sepultura? A tua fidelidade, nos abismos?
Acaso, nas trevas se manifestam as tuas maravilhas? E a tua justiça, na terra do esquecimento?
Mas eu, SENHOR, clamo a ti por socorro, e antemanhã já se antecipa diante de ti a minha oração.
   Salmos 88:10-13

Segundo Augustus Nicodemus, na História da Igreja há muitos que sofrem como Hemã. O pregador ressaltou que estamos de passagem na Terra, e é por isto que Deus permite que vivamos situações como a de Hemã. “Deus não nos prometeu uma viagem tranquila, mas Ele nos prometeu uma chegada certa” Disse.

Durante a mensagem foi enfatizado que o sofrimento é o resultado da queda no Éden, e que devemos sentir a seriedade do pecado e a conseqüência dele. “Sofremos para entender o quanto dependemos de Deus, pois Ele é nosso socorro e esperança. O sofrimento nos faz valorizar a oração. Deus tem que nos impulsionar a ver o quanto precisamos dEle. Se Deus trata assim seus filhos, imagine quem não é!”. Concluiu.

* Você pode adquirir esta mensagem através do site: http://www.visaocristocentrica.com ou através do telefone: (83) 3342-4654.


25/2/2012 - 09:12:59

Fonte: Redação




  


Outros assuntos


Simone Quaresma estará em 2015 no Consciência Cristã
Especialista em missões Elias Medeiros estará no 17º Consciência Cristã
Pastor Paulo Júnior é uma das novidades do 17º Consciência Cristã
Saiba mais sobre o 4º Encontro de Pastores e Líderes numa Visão Cristocêntrica
Consciência Cristã é o evento religioso com maior índice de aprovação em CG
Correio da Paraíba destaca mais uma vez a 16ª Consciência Cristã
Mais de 30% da população de Campina já participou do Consciência Cristã


Páginas encontradas

[1] 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120 121 122 123 124 125 126 127 128 129 130 131 132 133 134 135 136 137 138 139 140 141 142



Retorna

branco